placa de cobre de 10 oz

A MTI é um fabricante profissional de PCB e PCBA, fornecendo um serviço completo. Os principais serviços da empresa incluem a produção de PCB, montagem de PCB e compra de materiais electrónicos, patch SMT, soldadura de placas de circuito, plug-in de placas de circuito.

A nossa clientela estende-se pelos principais continentes (Oceânia, África, Europa, América) e abrange vários sectores, incluindo os cuidados de saúde, a segurança

Nome do produto placa de cobre de 10 oz
Palavra-chave flex pcba pcb flexível,1073 pcb,06141 pcb 305
Local de origem China
Espessura da placa 1~3,2mm
Sectores aplicáveis comunicações, etc.
Serviço Fabrico OEM/ODM
Certificado ISO-9001:2015, ISO-14001:2015,ISO-13485:2012.UL/CSA
Cor da máscara de solda Preto
Vantagem Mantemos a boa qualidade e o preço competitivo para garantir o benefício dos nossos clientes
País de vendas Em todo o mundo, por exemplo: Ilhas Cook, Ilha Norfolk, Nigéria, Camarões, Tanzânia, Ilha Tromelin, Irlanda, República Checa, Bielorrússia

 

Temos uma vasta experiência em engenharia para criar um esquema utilizando uma plataforma de software como o Altium Designer. Este layout mostra-lhe o aspeto exato e a colocação dos componentes na sua placa.

Os seus produtos são sempre entregues antes do prazo e com a melhor qualidade.

Um dos nossos serviços de conceção de hardware é o fabrico de pequenos lotes, que lhe permite testar rapidamente a sua ideia e verificar a funcionalidade da conceção de hardware e da placa PCB.

Guia de FAQs

1) Em que é que os componentes de montagem em superfície diferem dos componentes de passagem numa placa de circuito impresso?

Prestamos atenção à experiência do utilizador e à qualidade do produto, e fornecemos a melhor qualidade do produto e o menor custo de produção para os clientes cooperativos.
Os componentes de montagem em superfície (SMD) e os componentes de orifício passante (THD) são dois tipos diferentes de componentes electrónicos utilizados nas placas de circuito impresso (PCB). A principal diferença entre eles reside no seu método de montagem na placa de circuito impresso.

1. Método de montagem:
A principal diferença entre os componentes SMD e THD é o seu método de montagem. Os componentes SMD são montados diretamente na superfície da placa de circuito impresso, enquanto os componentes THD são inseridos em orifícios perfurados na placa de circuito impresso e soldados do outro lado.

2. Tamanho:
Os componentes SMD são geralmente mais pequenos em comparação com os componentes THD. Isto deve-se ao facto de os componentes SMD não necessitarem de fios ou pinos para a montagem, permitindo um design mais compacto. Os componentes THD, por outro lado, têm fios ou pinos que precisam de ser inseridos na placa de circuito impresso, o que os torna maiores em tamanho.

3. Eficiência de espaço:
Devido ao seu tamanho mais pequeno, os componentes SMD permitem um design mais eficiente em termos de espaço na placa de circuito impresso. Isto é especialmente importante nos dispositivos electrónicos modernos, onde o espaço é limitado. Os componentes THD ocupam mais espaço na placa de circuito impresso devido ao seu tamanho maior e à necessidade de perfuração de orifícios.

4. Custo:
Os componentes SMD são geralmente mais caros do que os componentes THD. Isto deve-se ao facto de os componentes SMD exigirem técnicas e equipamento de fabrico mais avançados, o que torna a sua produção mais dispendiosa.

5. Processo de montagem:
O processo de montagem dos componentes SMD é automatizado, utilizando máquinas pick-and-place para colocar com precisão os componentes na placa de circuito impresso. Isto torna o processo mais rápido e mais eficiente em comparação com os componentes THD, que requerem inserção e soldadura manuais.

6. Desempenho elétrico:
Os componentes SMD têm um melhor desempenho elétrico em comparação com os componentes THD. Isto deve-se ao facto de os componentes SMD terem cabos mais curtos, o que resulta em menos capacitância e indutância parasitas, levando a uma melhor integridade do sinal.

Em resumo, os componentes SMD oferecem um design mais compacto, melhor desempenho elétrico e um processo de montagem mais rápido, mas a um custo mais elevado. Os componentes THD, por outro lado, são maiores em tamanho, menos dispendiosos e podem suportar potências e tensões nominais mais elevadas. A escolha entre componentes SMD e THD depende dos requisitos específicos da conceção da placa de circuito impresso e da utilização prevista do dispositivo eletrónico.

2. como é que o tipo de acabamento da superfície de uma placa de circuito impresso afecta o seu desempenho?

10 oz copper pcb não é apenas um produto, mas também pode ajudá-lo a ganhar dinheiro.
O tipo de acabamento da superfície de uma placa de circuito impresso pode afetar o seu desempenho de várias formas:

1. Desempenho elétrico: O acabamento da superfície pode ter impacto nas propriedades eléctricas da placa de circuito impresso, como a impedância, a integridade do sinal e a resistência. Um acabamento de superfície liso e uniforme pode ajudar a manter propriedades eléctricas consistentes, enquanto um acabamento áspero ou irregular pode causar perda de sinal e interferência.

2. Soldabilidade: O acabamento da superfície desempenha um papel crucial na soldabilidade da placa de circuito impresso. Um bom acabamento de superfície deve proporcionar uma superfície plana e uniforme para os componentes a soldar. Um acabamento superficial deficiente pode resultar em defeitos de soldadura, como pontes, vazios e humidade deficiente, que podem afetar a fiabilidade da placa de circuito impresso.

3. Resistência à corrosão: O acabamento da superfície também pode afetar a resistência à corrosão da placa de circuito impresso. Um acabamento de superfície de alta qualidade pode proteger os traços de cobre da oxidação e de outros factores ambientais, garantindo a fiabilidade a longo prazo da placa de circuito impresso.

4. Processo de montagem: Diferentes acabamentos de superfície podem exigir diferentes processos de montagem, como o tipo de solda utilizado ou a temperatura e o tempo necessários para o refluxo. Isto pode afetar a eficiência global e o custo do processo de montagem de PCB.

5. Custo: O tipo de acabamento de superfície também pode ter impacto no custo da placa de circuito impresso. Alguns acabamentos de superfície, como o revestimento a ouro, são mais caros do que outros, como o HASL (Hot Air Solder Leveling). A escolha do acabamento de superfície correto pode ajudar a equilibrar os requisitos de custo e desempenho da placa de circuito impresso.

Globalmente, o acabamento da superfície de uma placa de circuito impresso pode ter um impacto significativo no seu desempenho, fiabilidade e custo. É essencial considerar cuidadosamente os requisitos e escolher o acabamento de superfície mais adequado para a aplicação específica.

3) Quais são as principais características de uma placa de circuito impresso?

Estamos empenhados em fornecer soluções personalizadas e estabelecemos relações estratégicas de cooperação a longo prazo com os clientes.
1. Substrato: O material de base sobre o qual o circuito é impresso, geralmente feito de fibra de vidro ou epóxi composto.

2. Traços condutores: Linhas finas de cobre que ligam os componentes na placa de circuito impresso.

3. Almofadas: Pequenas áreas de cobre na superfície da placa de circuito impresso onde os componentes são soldados.

4. Vias: Furos efectuados na placa de circuito impresso para ligar as diferentes camadas do circuito.

5. Máscara de solda: Uma camada de material protetor que cobre os traços e as almofadas de cobre, evitando curto-circuitos acidentais.

6. Serigrafia: Uma camada de tinta que é impressa na placa de circuito impresso para rotular os componentes e fornecer outras informações úteis.

7. Componentes: Dispositivos electrónicos, tais como resistências, condensadores e circuitos integrados, que são montados na placa de circuito impresso.

8. Furos de montagem: Furos efectuados na placa de circuito impresso para permitir a sua fixação segura a um dispositivo ou caixa de maiores dimensões.

9. Derrame de cobre: Grandes áreas de cobre que são utilizadas para fornecer um plano de terra ou de potência comum para o circuito.

10. Conectores de borda: Contactos metálicos na extremidade da placa de circuito impresso que permitem a sua ligação a outros circuitos ou dispositivos.

11. Pontes de solda: Pequenas áreas de cobre exposto que permitem a ligação de dois ou mais traços.

12. Pontos de teste: Pequenas almofadas ou orifícios na placa de circuito impresso que permitem o teste e a resolução de problemas do circuito.

13. Legenda da serigrafia: Texto ou símbolos impressos na camada de serigrafia que fornecem informações adicionais sobre a placa de circuito impresso e os seus componentes.

14. Designadores: Letras ou números impressos na camada de serigrafia para identificar componentes específicos na placa de circuito impresso.

15. Designadores de referência: Uma combinação de letras e números que identificam a localização de um componente na placa de circuito impresso de acordo com o diagrama esquemático.

4. o que torna um PCB resistente a factores ambientais como a humidade e a temperatura?

Devemos ter um bom desempenho na concorrência de mercado, e os preços dos produtos de placas de circuito impresso de cobre de 10 oz têm uma grande vantagem competitiva.
1. Seleção de materiais: A escolha dos materiais utilizados na placa de circuito impresso pode afetar grandemente a sua resistência a factores ambientais. Materiais como o FR-4, a poliimida e a cerâmica são conhecidos pela sua elevada resistência à humidade e à temperatura.

2. Revestimento isolante: A aplicação de um revestimento isolante à placa de circuito impresso pode proporcionar uma camada adicional de proteção contra a humidade e a temperatura. Este revestimento actua como uma barreira entre a placa de circuito impresso e o ambiente, impedindo que qualquer humidade ou contaminantes atinjam os componentes.

3. Máscara de solda: A máscara de solda utilizada na placa de circuito impresso pode também desempenhar um papel importante na sua resistência a factores ambientais. Uma máscara de solda de alta qualidade pode fornecer uma camada protetora contra a humidade e a temperatura, evitando quaisquer danos nos componentes.

4. Colocação dos componentes: A colocação correcta dos componentes na placa de circuito impresso também pode contribuir para a sua resistência a factores ambientais. Os componentes sensíveis à humidade ou à temperatura devem ser colocados longe de áreas propensas a estes factores, tais como perto de fontes de calor ou em áreas com elevada humidade.

5. Gestão térmica: Uma gestão térmica adequada é crucial para manter a temperatura da placa de circuito impresso dentro de limites seguros. Isto pode ser conseguido através da utilização de dissipadores de calor, vias térmicas e ventilação adequada.

6. Considerações sobre a conceção: A conceção da placa de circuito impresso também pode ter impacto na sua resistência a factores ambientais. Factores como a largura dos traços, o espaçamento e o encaminhamento podem afetar a capacidade da placa de circuito impresso para resistir a mudanças de temperatura e à exposição à humidade.

7. Testes e controlo de qualidade: Testes adequados e medidas de controlo de qualidade podem garantir que a PCB é construída para resistir a factores ambientais. Isto inclui testes de resistência à humidade, ciclos térmicos e outros factores de stress ambiental.

8. Conformidade com as normas: O cumprimento das normas e regulamentos da indústria para a conceção e fabrico de PCB pode também contribuir para a sua resistência a factores ambientais. Estas normas incluem frequentemente directrizes para a seleção de materiais, colocação de componentes e procedimentos de ensaio.

O que torna uma placa de circuito impresso de cobre de 10 oz resistente a factores ambientais como a humidade e a temperatura?

5. como é que o tipo de acabamento da placa de circuito impresso afecta a sua durabilidade e vida útil?

Tenho um sistema abrangente de serviço pós-venda, que pode prestar atenção às tendências do mercado em tempo útil e ajustar a nossa estratégia em tempo útil.

O tipo de acabamento da placa de circuito impresso pode ter um impacto significativo na durabilidade e no tempo de vida de uma placa de circuito impresso. O acabamento é o revestimento final aplicado à superfície da placa de circuito impresso para a proteger de factores ambientais e garantir o seu bom funcionamento. Alguns tipos comuns de acabamentos de PCB incluem HASL (Hot Air Solder Leveling), ENIG (Electroless Nickel Immersion Gold) e OSP (Organic Solderability Preservative).

1. HASL (nivelamento de solda por ar quente):
O HASL é um acabamento popular e económico que envolve o revestimento da placa de circuito impresso com uma camada de solda fundida e, em seguida, o seu nivelamento com ar quente. Este acabamento proporciona uma boa soldabilidade e é adequado para a maioria das aplicações. No entanto, não é muito durável e pode ser propenso à oxidação, o que pode afetar o desempenho da placa de circuito impresso ao longo do tempo. O acabamento HASL também tem um prazo de validade limitado e pode exigir retrabalho após um determinado período.

2. ENIG (ouro de imersão em níquel eletrolítico):
O ENIG é um acabamento mais avançado e duradouro do que o HASL. Envolve a deposição de uma camada de níquel e depois uma camada de ouro na superfície do PCB. Este acabamento proporciona uma excelente resistência à corrosão e é adequado para aplicações de elevada fiabilidade. O acabamento ENIG também tem um prazo de validade mais longo e não requer retrabalho tão frequentemente como o HASL.

3. OSP (Organic Solderability Preservative):
OSP é um revestimento orgânico fino aplicado à superfície do PCB para o proteger da oxidação. É um acabamento económico e proporciona uma boa soldabilidade. No entanto, o acabamento OSP não é tão durável quanto o ENIG e pode exigir retrabalho após um certo período. Também não é adequado para aplicações de alta temperatura.

Em resumo, o tipo de acabamento do PCB pode afetar a sua durabilidade e vida útil das seguintes formas

- Resistência à corrosão: Os acabamentos como ENIG e OSP proporcionam uma melhor resistência à corrosão em comparação com HASL, o que pode afetar o desempenho e a vida útil da placa de circuito impresso.
- Prazo de validade: Os acabamentos como o ENIG têm um prazo de validade mais longo do que o HASL, o que pode exigir um novo trabalho após um determinado período.
- Soldabilidade: Todos os acabamentos proporcionam uma boa soldabilidade, mas o ENIG e o OSP são mais adequados para aplicações de elevada fiabilidade.
- Factores ambientais: O tipo de acabamento também pode afetar a resistência do PCB a factores ambientais como a humidade, a temperatura e os produtos químicos, o que pode ter impacto na sua durabilidade e tempo de vida.

Em conclusão, a escolha do tipo correto de acabamento de PCB é crucial para garantir a durabilidade e a longevidade da PCB. Factores como a aplicação, as condições ambientais e o orçamento devem ser considerados ao selecionar o acabamento adequado para uma placa de circuito impresso.

 

Etiquetas:empilhamento de 12 camadas de pcb , Placa de circuito impresso de 1,6 mm